Histórico

Home / Histórico

 

SBQT na Linha do Tempo

1981.jpg

1981

1983553f9abb96c0c.jpg

1983

1985.jpg

1985

 1987.jpg

1987

1989.jpg

1989

1991.jpg

1991

1993

1993

1995.jpg

1995

1997

1997

1999553f9ac135ce2.jpg

1999

2001553fd7a4d0103.jpg

2001

2003553fd7a57906e.jpg

2003

2005.jpg

2005

2007553fd7a62deb0.jpg

2007

2009.jpg

2009

2011.jpg

2011

 2013

2013

 ResumosResumos Estendidos
Resumos
          2015

 

       Considerando os desenvolvimentos na área de Química Teórica, em 1979 os professores Marco Antônio Chaer Nascimento e Diana Guenzburger promoveram, nas dependências do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, o Primeiro Encontro de Química Teórica. O evento contou com a participação de aproximadamente 50 pesquisadores de diversas partes do país. O entusiasmo e a receptividade dos participantes foram tão marcantes que resultou na realização do I Simpósio Brasileiro de Química Teórica (SBQT) no ano de 1981. A partir desse evento, a comunidade incorporou a possibilidade da realização de eventos similares a cada dois anos em diferentes regiões do país.

 

           A partir de então, o Simpósio Brasileiro de Química Teórica (SBQT) vem sendo realizado a cada 2 anos e tem se firmado como um dos eventos científicos mais bem sucedidos do país. A denominação Química Teórica engloba, na realidade, uma área bastante ampla de estudos de estrutura eletrônica de átomos, de moléculas, de sólidos, e a determinação de propriedades termodinâmicas de gases, líquidos e sólidos, e o desenvolvimento de modelos na interface mecânica estatística/mecânica quântica molecular, os métodos de simulação clássica e/ou conjugados com métodos quânticos, qsar, entre outros.

 

        Desde seu início, o caráter interdisciplinar do Simpósio, a qualidade dos trabalhos apresentados e a presença de importantes pesquisadores nacionais e internacionais têm estimulado a participação crescente de profissionais e alunos de pós-graduação e graduação de diferentes segmentos do meio científico nacional e internacional. Este caráter multidisciplinar responde pelo número crescente de participantes em cada evento – I SBQT (50), II SBQT (100), III SBQT (113), IV SBQT (125), V SBQT (135), VI SBQT (160), VII SBQT (200), VIII SBQT (230), IX SBQT (360), X SBQT (310), XI SBQT (415), XII SBQT (370), XIII SBQT (387), XIV SBQT (374), XV SBQT (429), XVI SBQT (500), XVII SBQT (290) e tem contribuído significativamente para a formação de recursos humanos, principalmente nas áreas de Química e Física Teóricas, com importantes desdobramentos nas áreas de Matemática e Computação. A expressiva participação de pesquisadores e estudantes das regiões em que a Química Teórica encontra-se consolidada como as regiões sudeste, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Distrito Federal e a crescente participação de pesquisadores de outros estados do Norte, Nordeste e Centro-Oeste demonstram a repercussão positiva que este simpósio vem causando em todo o país consolidando e descentralizando as pesquisas na área da química teórica.

 

         Outro forte indicativo do sucesso do SBQT é o fato de ser o único encontro nacional que tem a publicação de seus Anais em periódico indexado de circulação internacional e com arbitragem rigorosa por pares. A publicação dos Anais iniciou-se com o VI SBQT quando trabalhos completos apresentados no evento foram publicados no Journal of Molecular Structure (THEOCHEM). Este periódico foi utilizado para a publicação dos Anais até o X SBQT. A partir do XI SBQT os trabalhos completos foram publicados no International Journal of Quantum Chemistry. Atualmente o SBQT vem publicando os anais na Journal of Molecular Simulation.

 

 Nestas mais de três décadas o SBQT foi organizado por:

I – SBQT– 1981 Marco Antônio Chaer do Nascimento: (Rio de Janeiro – RJ)
II – SBQT– 1983 Yuji Takahata: (Campinas – SP)
III – SBQT– 1985 Millan Trsic: (São Carlos – SP)
IV – SBQT– 1987 Alberto N. Senapeschi: (Caxambu – MG)
V – SBQT– 1989 Marçal de Oliveira Neto: (Caxambu – MG)
VI – SBQT– 1991 Fernando R. Ornellas: (Caxambu – MG)
VII – SBQT– 1993 Luis Carlos Gomide Freitas: (Caxambu – MG)
VIII– SBQT– 1995 Roy E. Bruns: (Caxambu – MG)
IX – SBQT– 1997 Sylvio Canuto: (Caxambu – MG)
X – SBQT– 1999 Marco Antônio Chaer do Nascimento: (Caxambu – MG)
XI – SBQT– 2001 Wagner B. De Almeida: (Caxambu – MG)
XII – SBQT– 2003 Rogério Custódio: (Caxambu – MG)
XIII– SBQT– 2005 Alfredo Arnóbio de Souza da Gama: (São Pedro – SP)
XIV – SBQT– 2007 Carlos Eduardo Bielschowsky: (Poços de Caldas – MG)
XV – SBQT– 2009 Léo Degrève: (Poços de Caldas – MG)
XVI – SBQT– 2011 Hélio Anderson Duarte: (Ouro Preto – MG)
XVII– SBQT– 2013 Itamar Borges: (Angra dos Reis – RJ)

 

          O Simpósio Brasileiro de Química Teórica (SBQT), na sua XVIII edição em 2015, completa 34 anos. O sucesso verificado nos encontros anteriores avaliza o fato de que esse evento se torna progressivamente a maior instância, nacional e latino americana, de expressão da comunidade de Química Teórica superando, inclusive, a barreira linguística dessa região americana. Este sucesso alcançado pelo SBQT reside no fato dele permitir a articulação dos grupos de pesquisa em Física, Química e áreas Biológicas direcionando e otimizando os esforços para o desenvolvimento de métodos teóricos e computacionais de interesse comum e para a utilização e aprimoramento de técnicas experimentais existentes no país, na busca de um entendimento mais completo de problemas em Química Moderna.

 

A Química Teórica, antes tida como uma área de interesse puramente acadêmico, passou a ser reconhecida como de grande importância na formação do Químico do Século XXI. Nessa última década, multiplicaram-se os cursos, tanto em nível de Graduação como de Pós-Graduação, em todo o país. Atualmente, a Química Teórica no Brasil engloba contribuições de diversas áreas específicas tais como Química Quântica, Dinâmica Atômica e Molecular, Simulação Computacional de Sistemas Líquidos e Sólidos, Modelagem Molecular de Sistemas de Interesse Biológico e Tecnológico, Catálise Química, Físico-Química Orgânica, entre outras. Nesse contexto, são inegáveis as contribuições do SBQT para o desenvolvimento da área no país. Portanto, nesse simpósio, bem como nos anteriores a programação terá um caráter diversificado visando contemplar as diferentes linhas de pesquisa existente na comunidade de química teórica do país.

 

A 18ª edição do SBQT será realizada na cidade histórica de Pirenópolis (GO) dando assim mais um salto ousado ao sair da região Sudeste para o interior do Brasil. É importante ressaltar que esse Simpósio ocorrerá à 50km da cidade de Anápolis que é o segundo maior polo da indústria farmacêutica e agrícola da América do Sul. Esta ação solidifica o SBQT como um evento de importância nacional tanto pela regularidade quanto pelo caráter de abrangência geográfica e científica que, no contexto geral, visa capacitar e formar pessoal especializado em química assim como facilitar o intercâmbio entre os diversos grupos de pesquisa nacionais ao setor produtivo como estabelece as metas do Governo Federal para as próximas décadas em CT&I.